Mensagens

A mostrar mensagens com a etiqueta romance

Belisama em Fases Lunares

Imagem
  CLUBE DE AUTORES Belisama usa a fase lunar para guia-la quando se vê perdida ao mergulhar profundamente numa depressão pós parto. Mãe precoce e com a juventude abalada por perder o namorado, se torna madura antes do que esperava. Se isola por um tempo e busca a reverenciada anciã para que a leve a melhores opções e diante dos obstáculos encontra trabalho numa edição literária, onde se publica apenas biografias. Em seu primeiro contato para entrevistar um astro de cinema fica diante do seu maior ídolo. Inexplicavelmente, os dois criam um laço, já que descobrira que a vida do seu ídolo não era tão perfeita. Os dois haviam passado quase a mesma experiência e se uniram secretamente para viver uma grande paixão. — A anciã a levou direto para os braços do único homem que poderia salvá-la do terror que tinha mergulhado? — Ou as outras deusas estavam provando que o amor não tem limites?

A Prisioneira das Sombras

Imagem
  CLUBE DE AUTORES Diante dos conflitos sociopolíticos e econômicos as classes nobres tinham um novo divertimento, mesmo com todo o ar desconfortante que vinha da região sulista. O início da década de vinte tinha dado o primeiro passo na Arte da Literatura e a revista Klaxon foi a responsável em transmitir essa influência modernista abrindo as portas para um mundo mais inovador. Aiyra, assim, como o resto do país estavam otimistas, porém, lá no fundo sabia que não estava pronta para um novo recomeço em sua vida e passar tanto tempo com o seu professor abriria portas para aquele amor infundado, indiscutível e arrebatador. Definitivamente, o seu coração não estava em primeiro plano, mas, os seus filhos e a sua conduta. Victor Carsan. Neto dos herdeiros Carsan que recebera uma fortuna deixado no testamento de seu avô, mantinha na cidade uma atividade cultural barrocada pela burguesia com truques de ilusionismo. O detetive Romano estava desconfiado devido a sua fama imediata e a sua jovial

Nas Mãos do Alquimista

Imagem
  — Porque os viajantes do tempo quando passam por panaceia, obcecado pelo frasco dourado, deixam mais do que levam. Anulam parte de suas vidas em busca do elixir para manter o espírito preso à carne. E, perdem mais tempo procurando do que existindo. Buscando a pedra que não é pedra de um fragmento que já possuem em si. O frasco dourado que contém o elixir da vida existe na forma de magia, mas o conteúdo que tomas é o que desperta em ti o valor de quem és de verdade. Senão, a busca se torna perdida, o fragmento de nada serve e o poder que contém para sempre será selado. Tudo deve ser numa dimensão tríplice, aceitado pelos reinos elementares e difundidos em ti numa multiplicidade de imersão e transformação na qual o poder alcançado seja em ti digno. Por outra ocasião, que não seja um buscador puro, o poder contido no frasco não surtirá efeito. Porque tudo vem de dentro e não de fora. OUÇA O RESUMO AQUI Fragmento do LIVRO [EM PRODUÇÃO] NAS MÃOS DO ALQUIMISTA TEXTO COM ©DIREITOS AUTORAIS

Belisama em Fases Lunares

Imagem
Mãe da escuridão Aquela, cuja manifestação, está no céu em trevas, No fundo das cavernas No verde das matas. No anoitecer do dia, A escuridão das profundezas estelares, e que adormecida ouve os sussurros dos peregrinos na terra. Mãe, que canta com o assopro dos ventos e faz o coração pulsar de alegria. Escondida entre a luz que se fundiu permanece gloriosa para ouvir os que em silêncio declama a sua aparição no céu. Esplendorosa mãe que se prepara para descortinar o véu da reflexão, abre os sentidos e os faz mergulhar no mais profundo oceano de fantasia e imaginação. Mentes que varrem os mares em busca de explicação. Pavorosos olhos noturnos que viajam sobre as ondas procurando um punhado de elucidação. Peregrinos, crianças do tempo que desejam compreender quem és, para onde vais e o que são. O silêncio do tempo em cada coração reflete de volta a seu mestre interior todas as respostas. E, no entanto, o som do mundo não os deixam ouvir a voz que clama, que chama e que induz. Volta, pere

A Oitava Casa

Imagem
 CLUBE DE AUTORES UMA EQUIPE DE CIENTISTAS SE REÚNE PARA DESENVOLVER UM EXPERIMENTO, PORÉM, SEM APOIO E AUTORIZAÇÃO DO GOVERNO POR SER ARRISCADO À VIDA. ELES DECIDEM SECRETAMENTE FINALIZAR A PESQUISA E USAR SEM A SUPERVISÃO DE UM COMANDO DE ESTADO, MAS ENTRE A DISPOSIÇÃO DO CHEFE DE EQUIPE E A DESISTÊNCIA DE UM DOS MEMBROS, POR MEDO DE SEREM DELATADOS AO GOVERNO ELES O USAM COMO COBAIA DA EXPERIÊNCIA, QUE SUPOSTAMENTE E INICIALMENTE FOI EFETIVADO COM SUCESSO. SEM ALTERAÇÕES GRAVES. NESSE MESMO PERÍODO, A ESPOSA DO NEUROLOGISTA SOFRE UM ACIDENTE E FICA TETRAPLÉGICA. POR UNANIMIDADE USAM O PROJETO, MAS DESTA VEZ, FRACASSAM. A EXPERIÊNCIA APLICADA FOI TESTAR OS COMANDOS DE UM CHIP PROGRAMADO QUE USAM AS IMPRESSÕES INVOLUNTÁRIAS DA MENTE, MAS QUE FUNCIONEM NUM PLANO DE COMANDO SECUNDÁRIO. SEM ESTAR CONECTADOS AOS GÂNGLIOS, MAS INTRODUZIDOS NA PARTE MAIS FUNCIONAL DA PIA-MÁTER. A IDEIA INICIAL SERIA TRATAR PROBLEMAS DE SAÚDE POR MEIO DE AÇÕES INVOLUNTÁRIAS, DEPOIS A CONEXÃO DE TECIDOS INATI

Estranho Julgamento

Imagem
CLUBE DE AUTORES Um jovem advogado perde sua esposa no meio de um julgamento criminal. Analisando os autos secretamente com a ajuda de um investigador, chega numa conclusão de que o próprio promotor escondia segredos terríveis. E todo o resto desliza para um fim surpreendente de sua vida e do promotor. Tom Aniston é um advogado que passa a investigar a vida do próprio promotor depois de uma tragédia no estacionamento. Durante as investigações com seu amigo fora da cidade, ele volta devido a morte prematura de sua esposa. Todo o resto de sua vida cria um caleidoscópio de improvisos, ele sente dificuldade em superar, mas anos mais tarde se casa e tem uma filha que recebe o nome de sua falecida esposa. Toda a sua vida, seus planos se deslizam para um mundo desastroso e complicado e anos depois, a mulher que o amou descobre numa carta já velha e amarelada na qual tentou agarrar enquanto as bravas águas a engoliram. O suposto segredo da vida de Tom intrigou os netos que seguiram as su

A Magia dos Sonhos

Imagem
 A MAGIA DOS SONHOS A Sabedoria oculta em outrora foi estímulos dos deuses impiedosos uma forma de matar entre nós; e que qualquer forma de conhecimento não estabelecido entre povos era ocultação de poder. Com isso, os deuses altruístas faziam guerras contra nós para nos exterminar. Assim, não conseguiríamos incumbir com suas destrezas e poderes. Mas, Odim, pai de todos interferiu com outros deuses e dispôs aos menos favorecidos que daria um lugar em seu palácio se colocassem ordem na terra. O deus que o chamam de Oguaro iniciou seu trabalho por intermédio dos sonhos e deu ótimas oportunidades aos médiuns e adivinhadores para trabalhar para Reis na época Medieval. Com isso, o mundo mágico foi se abrindo como uma chave mestra. Todas as portas não tinham mais nem um segredo. Oguaro cumpriu seu dever e tem grande benevolência com Odim. O mundo que os separa não tem limites, não existem barreiras, pois os sonhos é o mundo que pertence aos dois. — Sabynne conseguirá fechar todas as

Crime & Pecado

Imagem
CLUBE DE AUTORES Rúbia uma menina indefesa, gentil, bondosa de apenas dezessete anos é o escudo do pai, que usa a sua beleza para enriquecer e trazer os negócios aos seus favores. Cansada de ser prometida a casamentos e viúva sem ter consumado a cerimônia pede ajuda a um padre, quando confessa as suas tristezas, e também confessa que ama outro homem. O padre conversa com a menina e passa a frequentar a sua casa em busca de acalmar o coração do indomável Fazendeiro Rui de Florença. O padre, por sua vez, fica na defensiva porque toda a Vila Florença, até mesmo a igreja pertence àquela família. Suas mãos ficam atadas. Na sequência da série os dois criam um laço muito forte. Pela primeira vez ela é amada e sem culpa. Joshua então, terá que se libertar do celibato para formar a sua família. Ela irá para Mística enquanto ele espera deliberar a investigação. Mas, antes de partir sabe que por decisão dos detetives não tem autoridade para seguir com o que eles combinaram. Com medo de que saib

A Prisioneira das Sombras

Imagem
CLUBE DE AUTORES Tudo se inicia quarenta anos antes do nascimento de Aiyra . Quando ainda seu bisavô xamã era vivo e liderava uma vila inteira de índios descendentes de aruaque . Um coronel se muda para a vila das aldeias Baníua e se instala por acordo capitalista. A paz que reinava terminou e uma guerra entre eles começou. A resistência dos índios em lutar por suas terras transformou tudo ao redor e em cada vida que ali permanecia. A história é ambientada na região norte do país e na era nacionalista . O país passa por várias transições sociais e políticas. Pela questão religiosa que foi um marco na trama e pela derrocada economia. No período da crise que estourava a era romântica depressiva teve os treze generais que assinaram o documento para existir equilíbrio e idealismo na sociedade. Mas, durante e depois das crises se estabelecendo, com as máquinas avançando o retrocesso humano, as fábricas de carros aparecendo, a transformação virando realismo eles se perderam na hi

Abadon e as Bruxas de Ucayali

Imagem
CLUBE DE AUTORES Em Abadon – E as Bruxas de Ucayali conta a história de um anjo lançado na sorte pelo seu próprio clã, para aventurar como um homem mortal até entender que sua verdadeira origem é dar continuidade à busca do brasão perdido. Isto, fez com que nascesse por várias vidas até que se apaixonou por uma jovem bruxa. Ainda que, seu clã que o condenou a um mundo de batalhas fez com que também tivesse seu próprio mundo. Trabalhar, estudar e se formar. Na qual, num curso de história conheceu Sara Deodora O`Hanna. Formado em história e já recuperado pelos danos que o fizeram viver pelas guerras de seu próprio mundo particular, faz uma promessa de leva-la para o outro lado do reino, Sárvia. Um lugar ainda em recuperação pelos danos de sua própria dualidade. Ele resolve contar a Sara seu segredo. Suas visões. Ela se torna confidente, mas se recusa secretamente que ele contara toda a verdade. E de repente ele desaparece. Ela fica chocada com o abandono e sem saber o que tinha a

Daphne Du Maurier

Imagem
" Sonhei, a noite passada, que voltará à Manderley " Essa é a frase que certamente enriqueceu e que deu vida na história de Rebeca e que deu os primeiros passos da grandiosa vida de Daphne. Eu particularmente aprecio as obras dessa autora e que tomei a liberdade de torná-la a minha inspiração. Essa frase deliberou um caminho árduo, com mais de vinte traduções e reeditado mais de vinte e oito vezes pelo mundo ganhando vida e eternizando de alguma forma o seu ícone. Às vezes, uma única frase obsoleta deixa um marco na história, e a forma como escrevia era a forma nostálgica do tempo revirando no passado, entrando nos cernes da mente, salpicando desejos e aventuras. Transformava lágrimas em segredos, solidão em busca, apreciação em reparação. O golpe misericordioso de um sonho fatal depois de um breve pesadelo. Eternizar algo requer mais que escrever, requer um dom e poucos possui. Pois, Daphne possuía o dom de sentir cada pensamento. As obras de Daphne é sentida em todos os a

Edgar Allan Poe

Imagem
Quem já não ouviu falar desse ilustríssimo autor? Ele teve uma vida bem definida quando se trata da Literatura, embora tenha partido muito jovem. Foi em seu curto destino entrelaçado de mistérios, suspenses e segredos que deixou uma incógnita até mesmo sobre a sua sepultura. Mas, o símbolo misterioso até mesmo de sua morte o deixou num estado de glória. Seus Contos atravessaram séculos e ainda resiste com êxito a força de suas memórias. O único instrumento mais concreto que deixou de sua estimada vida. Presumo que todos já conhecem as suas histórias, mas, muitos se perguntam se sua vida não fora um tanto as suas próprias palavras. Um de seus livros o deixou obsoleto e nada mais foi como antes. Porque todos sabem, que quando os nossos próprios demônios vem à tona, não é possível contê-lo mais dentro de nós. Jamais conseguiríamos domesticar assim, como o Gato Preto . Um dos seus personagens mais aterrorizantes que perdeu um dos seus olhos pelo vislumbre da ira. O que mais seria capaz de

A Prisioneira das Sombras

Imagem
Coronéis, soldados, anfitriões de todas as partes do mundo dando uma salva de palmas para os musicistas que fariam a festa dar vida aos ouvidos de todos. As pessoas tinham acomodados de forma circular com os mais nobres vestidos e vestimentas da época. Os trajes a rigor foram alvos das fotografias sucessoras que renderam um espaço no mundo da moda. Em meados de doze ou quinze anos construíram algo que se dissesse brandura iria tornar uma palavra longínqua nas mãos dos arquitetos. Toda a estrutura do salão tinha suas riquezas ornamentais feitas pelas mãos de grandes artistas. Em especial o que tinha dado vida ao teto com tamanha realeza em cores. As enormes colunas sustentando as decorações gigantescas de gesso redesenhando como se fossem rosas ao vento. Os gigantescos lustres dourados que reluziam ao retrocesso de cada luminosidade e a formosura da cúpula que se estendia por mais de setenta metros. O salão fora preparado para as danças típicas e das óperas. Antes de

A Prisioneira das Sombras

Imagem
A Segunda Parte do Romance A Prisioneira das Sombras tem reflexos de eventos históricos e aqui vou deixar um breve resumo dos principais eventos. [ Resumo da Segunda Parte do Romance] A Prisioneira das Sombras — Um Romance Histórico Há dois anos a crise acentuava em todo o país, assim, como no resto do mundo. A guerra tinha terminado após a assinatura que deliberou oficialmente a paz entre nações. O armistício assegurou o tratado de harmonia e controle sobre as nações em 1918 , mas, já no início da década de vinte as exportações caíam sem cessar. As pequenas indústrias que conseguiram se manter fortes após o descontrole da guerra já não se abstinha com a desvalorização da moeda e todos os setores perderam quantias exorbitantes em áreas menos favorecidas. As indústrias que mais faturavam e que mantinham grandes corporações foram sem dúvida, comunicada na coluna de notificações das imprensas. Destacando sem ambiguidade  a indústria IRFM . N