Mensagens

A mostrar mensagens com a etiqueta contos

Diário de Uma Feiticeira

Imagem
 EM PRODUÇÃO! A coleção possui Nove Contos e Vicky terá que enfrentar o medo para conseguir se tornar uma feiticeira. Suas memórias ficam no esquecimento porque ela foi enfeitiçada por Jana, uma impostora da magia e fica presa na teia do tempo sem se dar conta que fora uma aprendiz. E, ela deve terminar as etapas pelo caminho enquanto se lembrar de suas dores, percas e sofrimentos. Victória Louise de Michael é gravemente ferida por uma estaca de uma árvore cedro-rosa e ela conjura as antigas forças do anel da serpente. [A Estaca de Cedro] Vicky usa de suas memórias guardadas no tempo e o anel da serpente iluminado pelas velas flamejantes leva-a a conhecer o outro lado por onde passou pelo Speculum negro. [O Speculum Negro] Já do outro lado, no reino das bruxas Vicky fica presa e deve aguardar até que termine o livro dos espelhos, seu registro de pecados. [O Livro dos Espelhos] Vicky libera de sua alma toda a sujeira que possa atrapalhar em sua caminhada bruxa e varre para fora tu

Edgar Allan Poe

Imagem
Quem já não ouviu falar desse ilustríssimo autor? Ele teve uma vida bem definida quando se trata da Literatura, embora tenha partido muito jovem. Foi em seu curto destino entrelaçado de mistérios, suspenses e segredos que deixou uma incógnita até mesmo sobre a sua sepultura. Mas, o símbolo misterioso até mesmo de sua morte o deixou num estado de glória. Seus Contos atravessaram séculos e ainda resiste com êxito a força de suas memórias. O único instrumento mais concreto que deixou de sua estimada vida. Presumo que todos já conhecem as suas histórias, mas, muitos se perguntam se sua vida não fora um tanto as suas próprias palavras. Um de seus livros o deixou obsoleto e nada mais foi como antes. Porque todos sabem, que quando os nossos próprios demônios vem à tona, não é possível contê-lo mais dentro de nós. Jamais conseguiríamos domesticar assim, como o Gato Preto . Um dos seus personagens mais aterrorizantes que perdeu um dos seus olhos pelo vislumbre da ira. O que mais seria capaz de